Acerca de

pexels-polina-tankilevitch-3738349.jpg

Harmonização Facial

A beleza é uma característica relativa. Nem sempre acreditamos que somos bonitos, e cada pessoa tem uma percepção diferente sobre cada um de nós. No entanto, há algumas proporções que tornam os traços mais equilibrados. Em busca deste equilíbrio do rosto, a harmonização facial conquistou o coração de famosos e médicos que trabalham com estética.

O principal motivo para a harmonização estar bombando é o fato de ela ser sem cortes: você consegue ter boca carnuda, testa sem rugas, queixo protuberante e nariz empinado sem precisar passar pelo centro cirúrgico.

A harmonização facial é um conjunto de procedimentos que servem para dar proporções equilibradas para o rosto.

“A harmonização facial trabalha com a divina beleza, com as proporcionalidades da face, ou seja, quando a gente aumenta a projeção de determinado lugar, como por exemplo a maçã por rosto na região malar ou no queixo, a gente proporcionalmente diminui em outros lugares”.

Para que serve a harmonização facial

A ideia da técnica é tratar diversas insatisfações de uma vez. Por isso, ela pode servir para diversos objetivos, todos estéticos.

  • Redução de papadas

  • Redução de olheiras

  • Redução de rugas e marcas de expressão

  • Aumento dos lábios

  • Definição de mandíbula

  • Mudanças sutis no nariz

  • Aumento ou diminuição do queixo e testa

Quais procedimentos a harmonização facial inclui?

Para chegar aos objetivos, a harmonização facial usa uma gama de procedimentos estéticos que usam apenas agulhas e cânulas. Entre eles, estão:

  • Aplicação de ácido hialurônico

  • Outros preenchedores

  • Aplicação de toxina botulínica

  • Lasers

  • Radiofrequência

  • Bioestimulação de colágeno

  • Peeling

  • MMP Facial – Microinfusão de Medicamentos na Pele

Todo mundo pode fazer harmonização facial?

Apesar de usar diversas técnicas, não é possível tratar flacidez extrema da face com os procedimentos de harmonização facial. “Nesses casos, é recomendável uma cirurgia de lifting facial ou ritidoplastia, que é a cirurgia das rugas da face”.

Enfatizamos que todas as condições de saúde do paciente são avaliadas antes de decidir quais procedimentos podem ser feitos. Uma pessoa com vitiligo, por exemplo, não deve ser submetida a operações com laser.

Por causa destes riscos, não é qualquer profissional que pode fazer a harmonização facial. Somente os médicos cirurgiões-plásticos e dermatologistas, que estudaram a anatomia humana suficientemente, conseguem fazer as aplicações sem risco ao paciente.

Quanto tempo dura a harmonização facial?

A maioria dos procedimentos que envolvem a harmonização facial tem duração limitada. A aplicação de ácido hialurônico, por exemplo, garante resultados por dois anos.